Este blog acaba de nascer de uma conversa íntima entre dois amigos, com gostos e ideias bastante similares em relação à vida e ao sexo.

29
Mai 09

 

...e como sempre corri para o meu canto, fugi de todos voçes que desejam o meu tacto.

Quero me sentir sozinho porque mesmo ao teu lado vivo em solidão.

Quero dizer a todos que já não existo para o mundo.Felicito o velho passado e sigo em frente para um futuro pouco risonho. Se entrares neste cantinho vais me ver aqui sentado aqui a matutar na minha doce solidão.

Façamos de conta que afinal existe silencio neste pequeno cantinho, façamos de conta que o calor que está lá fora já não serve para aquecer o meu coração.Vomito esperança pelo coração, desejo mudar, desejo sentir me sozinho.

 

 

publicado por Carlos Martins às 16:41
sinto-me: Sozinho.
tags: ,

Ai, ai, ai. Eu bem me parecia que não estavas bem hoje. E não quiseste falar sobre isso... não fiques sozinho, fiquemos sozinhos os dois juntos. E se vierem as lágrimas deixa-as saltar cá para fora. Acho que precisamos.
Um abraço apertadinho e um beijo repenicado no teu coração.
L. a 29 de Maio de 2009 às 18:33

Muito bom o texto. Envolto por uma suave melancolia...

Bom fim de semana!
Bernardo Lupi a 29 de Maio de 2009 às 20:04

Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
16

18
19
20
21
22
23

24
26
27
28
30

31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

"Deves querer comer-me não"
pesquisar
 
blogs SAPO