Este blog acaba de nascer de uma conversa íntima entre dois amigos, com gostos e ideias bastante similares em relação à vida e ao sexo.

19
Fev 09

 

Tatuas-me as mamas e as nádegas?

publicado por L. às 09:50
sinto-me:
tags: , ,

21
Nov 08

Na cama antes de dormir.

 

Ele: - Se não tivesses estado uma hora de volta da merda do agrafador avariado tinha-te comido.

Ela: - Se eu tivesse desconfiado sabes bem que o agrafador estaria no lixo em três tempos, mas ainda são horas...

Ele: - Cala-te e dorme.

 

Um momento de silêncio. Ele aproxima-se das nádegas dela, já de pau feito e enfia-lhe a mão dentro das cuecas.

 

Ele: - Já estás assim molhadinha?

Ela: - Claro que sim, não me conheces? Mas agora vais dormir.

Ele: - Quero comer-te em frente ao espelho, de rabo espetado para mim enquanto encho as mãos com as tua mamas.

Ela: - Adoro que me apalpes com força enquanto me comes, e se puder ver isso no espelho melhor ainda.

 

E o espelho reflectiu uma belíssima queca de 5 minutos.

 

 

publicado por L. às 18:10
tags: , ,

19
Nov 08

Levantei-me como sempre ás 07:30 e deparei-me com um mensagem estranha no telemóvel:

- Obrigado por me teres enviado o teu novo numero, já agora tens saudades de minha voz?

Esta foi uma das minhas anteriores conquistas, e digo que ela tinha um palavreado bem fora do normal. Conheci-a no Odigo que é um programa de conversação (Salas de Chat).  E mesmo antes de conhece-la já estávamos a falar de sexo por telefone.

Quando a coisa começou a aquecer, ela disse-me prontamente:

- “Tira-o para fora, que eu quero-te chupar”- Lembro-me tão bem como se fosse ontem.

E assim começamos a nossa pequena aventura telefonica.

Mais tarde conhecia-a e foi uma pequena desilusão, o que melhor me lembro dela é que tinhas umas mamas do tamanho do Mundo! Foi uma cena engraçada, só isso…que queria partilhar com vocês.

 


 

 

publicado por Carlos Martins às 17:04

04
Ago 08

 

Tínhamos marcado um encontro pelo internet, depois de tanto teclarmos resolvi partir para mais uma aventura de rosto invisível, só me tinhas dito que tinhas uns bons atributos físicos. Foste-me buscar a uma estação de comboios perdida no tempo, passeamos e discutimos ideias e sentimentos, quando me foste levar de volta á casa pediste-me sexo selvagem tal a maneira como te montaste em cima de mim, ainda me lembro do que disseste antes de te montares “Que seja o que Deus quiser”…pois e foi mesmo como ele quis. Passaste os teus quentes lábios pelos meus, mas a minha mão nessa altura já tinha fugido para as tuas enormes mamas, qual tamanho 42…Foi mesmo uma maravilha ter descoberto o teu corpo daquela maneira. Era Inverno, mas o calor imperava naquela viatura, saltaste para Cima de mim e logo puseste o fio dental para o lado, e começaste a cavalgar na minha banana. Que loucura! Os teus movimentos de anca me deixavam doido de todo, parecia que já me conhecias há muitos anos, pois sabias que essas movimentos me deixavam quase a vir-me…apertaste-me tanto quando atingiste o orgasmo que quase me partiste as costas, depois de te vires em cima da minha pila, ficaste ainda a deliciar-te com o sobe e desce, dizias que te estavas a preparar para a segunda. Nessa altura foi a minha vez de me vir para dentro de ti, sorriste nessa altura, e ao puxares-me o cabelo fizeste-me ficar ainda mais excitado…quando estavas já a preparar-te para a segunda (sempre com ela dentro de ti) …surgiu um mirone todo maluco, ficaste assustada e perdeste logo a pica, saiamos disparados como flechas…mas valeu a pena aquele dia.

 

publicado por Carlos Martins às 11:23
sinto-me:

28
Jul 08

 

Atenção á publicação do primeiro conto erótico:

 

Susana, Mulher Sensual!!

 

Estreia amanhã neste Blog.

 

 

publicado por Carlos Martins às 19:12

Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


subscrever feeds
"Deves querer comer-me não"
pesquisar
 
blogs SAPO